quant
Fique ligado

Trofa

Covid-19: Mais 3.879 casos e 13 mortes nas últimas 24 horas em Portugal

Publicado

em

Portugal regista hoje mais 3.879 casos de covid-19 e 13 mortes provocadas pela doença e um aumento nos internamentos em enfermaria, com mais 12 pessoas internadas nos hospitais, de acordo com os dados oficiais hoje divulgados.

De acordo com o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS) de atualização da evolução da pandemia em Portugal, nas últimas 24 horas foram internadas mais 12 pessoas em enfermaria, aumentando o total de internamentos para 964, e mais uma pessoa em unidades de cuidados intensivos (UCI), elevando o total para 143.

Portugal regista mais 1.397 pessoas recuperadas da doença nas últimas 24 horas, o que coloca o total de casos ativos no país em 68.117, mais 2.469 do que no sábado.

A maioria dos novos casos regista-se entre o Norte e Lisboa e Vale do Tejo, no território continental, regiões onde se concentram os óbitos nas últimas 24 horas: seis em Lisboa e Vale do Tejo, quatro na região Centro e três na região Norte.

Segundo informações divulgadas hoje pela ‘task force’ que coordena o processo de testagem, Portugal atingiu na passada sexta-feira um novo máximo de testagem diária, com 197.718 testes de rastreio à covid-19 realizados, com uma taxa de positividade de 3,1%.

Do total de testes realizados, 141.768 (72%) são testes rápidos de antigénio (TRAg) de uso profissional.

Desde o dia 01 de dezembro, foram realizados mais de 1,2 milhões de testes à covid-19, incluindo mais de 818 mil TRAg de uso profissional. 

Publicidade

Segundo a ‘task force’, este valor está relacionado com as novas medidas decorrentes da resolução do Conselho de Ministros de 27 de novembro, nas quais se inclui a necessidade de apresentação de teste negativo para o coronavírus SARS-CoV-2, que provoca a covid-19, no acesso a determinados serviços ou locais, bem como o aumento de pontos de testagem em todo o país. 

Desde o início da pandemia, já foram efetuados em Portugal 22.640.962 testes de diagnóstico à covid-19, adianta a ‘task force’, ressalvando que estes números não incluem autotestes.

De acordo com a última atualização destes dados, feita na sexta-feira, a incidência de infeções do vírus SARS-CoV-2 voltou a aumentar a nível nacional, ao passar para 457,7 casos por 100 mil habitantes, enquanto o índice de transmissibilidade (Rt) se manteve em 1,11.

De acordo com o relatório sobre a pandemia em Portugal divulgado na sexta-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS), em termos nacionais, a taxa de incidência passou, desde quarta-feira, de 438,4 casos de infeção por 100 mil habitantes a 14 dias para os atuais 457,7.

Já no relatório das ‘linhas vermelhas’, da DGS e do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), também divulgado na sexta-feira, indica-se que Portugal regista 49 casos associados à nova variante do vírus, Ómicron.

A DGS e o INSA indicam também que, até ao momento, estes casos foram assintomáticos ou apresentaram sintomas ligeiros, não tendo ocorrido internamentos ou óbitos.

O relatório indica ainda que a mortalidade por covid-19 apresenta uma “tendência crescente”, tendo aumentado 28% em relação à semana anterior e que Portugal continental tem 56% das camas de cuidados intensivos destinada a doentes covid-19 ocupadas, sendo que o Algarve já “atingiu o limiar de alerta de ocupação”.

Publicidade

Segundo o relatório das ‘linhas vermelhas’ o reforço da vacinação está a provar ser eficaz na redução de novos casos, com a DGS e o INSA a afirmarem que a dose de reforço da vacina contra a covid-19 está a produzir efeitos nos maiores de 70 ao registar-se na última semana “uma desaceleração” no número de novos casos.

Continuar a ler...
Publicidade

Desporto

Trofense sem direção aguarda por setembro para criar comissão administrativa

Publicado

em

Por

Apenas 40 sócios marcaram presença na assembleia geral extraordinária do Clube Desportivo Trofense, na noite desta sexta feira, que tinha como ponto a eleição de uma comissão administrativa, depois de Franco Couto ter apresentado a demissão, por motivos pessoais.

A assembleia foi conduzida por José Duarte Gomes, presidente da Assembleia Geral do Clube, apoiado por 2 sócios, uma vez que os secretários da assembleia não compareceram na mesma.

A comissão vai ter como primeira batalha tratar do pagamento dos 4 meses em atraso do RERE (Regime extrajudicial de recuperação de empresas), que foi aprovado em tribunal e que o clube não estará a pagar, segundo informação vinculada na assembleia.

A assembleia terminou sem que alguém demonstra-se interesse em liderar uma comissão administrativa, havendo 5 sócios disponíveis para integrar uma, mas sem a liderar.

Ficou marcada para 2 de setembro nova assembleia com o objetivo de encontrar uma comissão.

Continuar a ler...

Trofa

Junta do Coronado cancela Coronado Convida por “desentendimento” com a paroquia de S.Mamede

Publicado

em

Por

A Junta de Freguesia do Coronado cancelou a edição de 2022 do Coronado Convida.
O evento estava previsto para decorrer entre 29 de agosto e 4 de setembro foi cancelado porque a paróquia pretendia montar “uma tasquinha” no adro da Capela do Divino Espírito Santo, mesmo depois de “terem tomado conhecimento de que já não havia lugar para mais espaços de restauração”, anunciou a junta em comunicado.

No referido documento, a junta de freguesia afirma que “tentou sensibilizar os intervenientes de que isso colocaria em causa toda a dinâmica e todos os participantes do evento” e que “perante a insistência e a determinação dos elementos ligados à Paróquia a Junta de Freguesia viu-se forçada a cancelar o evento para salvaguardar o princípio de organização do mesmo e para não entrar em choque” com uma das entidades da comunidade, nem com todos os participantes do certame. (Leia o comunicado na integra clicando aqui)


Já a paroquia, também em comunicado afirma que o regulamento do evento “definia que os lugares de restauração seriam atribuídos mediante apresentação de candidatura em carta fechada, sob licitação mínima de 800 euros, a serem conferidos aos três que apresentassem a melhor proposta, até ao dia 5 do presente mês, contudo, e segundo o mesmo comunicado, “a informação que foi disponibilizada à Paróquia, oito dias antes da data prevista de entrega das cartas, foi de que os lugares já se encontravam preenchidos.”
Segundo o comunicado, publicado nas redes sociais, a paroquia afirma que “manifestou o seu descontentamento com esta falta de consideração pelas regras instituídas” e que dois elementos do conselho económico estiveram reunidos com o presidente da Junta de Freguesia, José Ferreira, saindo dessa reunião com “bom entendimento entre as partes, decorrendo num favorável espírito de abertura e cordialidade”, mostrando surpresa pelo motivos alegados para o cancelamento do evento. (Leia o comunicado da paroquia clicado aqui)


O certame tinha realização prevista, tal como nas anteriores edições, na zona envolvente à Capela do Divino Espirito Santo, em S.Mamede do Coronado.
O Coronado Convida realizou-se já por 11 edições, esteve suspenso em 2010 e 2011 devido à pandemia, e é uma mostra associativa e cultural da freguesia.

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também

} a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);