20
Fri, Oct
5 New Articles

Edição 638

Entrevista a Sérgio Silva, candidato da CDU à freguesia do Muro

 

Sérgio Silva candidata-se à freguesia do Muro, com o propósito de trabalhar em prólogo do bem-estar dos murenses.

 

O Notícias da Trofa (NT): O que o leva a candidatar-se à freguesia do Muro?
Sérgio Silva (SS): Aceitei este compromisso, apesar da minha jovem idade, devido ao facto de achar que a freguesia do Muro deve ter o devido valor e não ser colocada de parte perante as restantes freguesias do concelho da Trofa.
Aceitei porque sinto que podemos fazer a diferença, pela ligação que tenho à freguesia e aos seus habitantes.

NT: Quais são os projetos que apresentam para o mandato?
SS: A CDU propõe-se a trabalhar em prólogo do bem-estar dos habitantes e da própria freguesia, para isso, vamos lutar em comunhão com a Câmara Municipal para que a freguesia possua recolha de lixo porta a porta, como outras freguesias do concelho possuem;
- Também prometemos colocar máquinas para a realização de exercício físico, nos espaços verdes da freguesia, como por exemplo no São Pantaleão e na Praceta de São Cristóvão.
-Outra das nossas prioridades é o arranjo da Ruas do Cruzeiro que liga ao S. Pantaleão, visto que todos os anos existem as festividades deste e também devido ao facto de esta rua ser uma rua ótima para as pessoas fazerem caminhadas na natureza, outro dos arranjos é o da ligação de Gueidãos a Vilares, o que permitirá às pessoas fugirem ao trânsito em caso deste existir.
- Como também a CDU pensa na comunidade sénior e na comunidade de jovem, caso seja eleito, irei promover atividades de entretenimento para ambas faixas etárias, como por exemplo, exibição de filmes no Salão Paroquial e a realização de bailes, como se fazia no tempo dos nossos avós e pais.

NT: Qual o projeto/área priori-tário(a) caso seja eleito?
SS: Uma das áreas que a CDU e a freguesia têm vindo, nestes últimos anos, a debater-se é a área dos meios de transportes públicos, visto que a freguesia ficou sem o seu maior meio de ligação para o restante distrito, por isso, a CDU vai dar maior importância a este assunto e tentar criar um maior número de meios de transportes para a freguesia.

NT: Quais as principais carências da freguesia?
SS: Outra das áreas que a freguesia apresenta carência é o facto de a área florestal desta estar desorganizada e sem cuidados.

NT: Quais as obras que considera mais urgentes a serem realizadas pela Câmara Municipal?
SS: As obras que a Câmara deveria realizar, urgentemente, seria colocar saneamento básico em todo o concelho, que até hoje isso não acontece, e melhorar a organização da floresta do concelho, visto que todos, ou quase todos os anos, o concelho é afetado pelos incêndios florestais.

NT: Como avalia a evolução da freguesia ao longo dos 18 anos do Município da Trofa?
SS: Nestes 18 anos que vivi na freguesia, foi pouca ou quase nenhuma a evolução que eu vi na freguesia, devido ao facto, como anteriormente referi, de ter sido esquecida e até mesmo posta de parte pelos representantes deste país e concelho e é por isso que os habitantes do Muro têm de dizer: “basta de sermos esquecidos e postos de parte” e ir votar no dia 1 de outubro, para voltarmos a colocar o Muro no mapa e nas bocas das pessoas. Já outros tiveram a oportunidade. Será agora a altura de dar voz à CDU, de dar voz aos Murenses.

1ª Pagina

Videos TrofaTV em destaque

Siga-nos no facebook

» Farmácia de serviço na Trofa