20
Fri, Oct
5 New Articles

Edição 603

“É sempre um enorme incentivo perceber que o resultado da nossa aposta em I&D, do nosso empenho e do trabalho de toda a nossa equipa possibilita que mais pessoas, podem beneficiar da nossa inovação”. Foi desta forma que a BIAL reagiu à aprovação da Comissão Europeia para a indicação terapêutica do medicamento Zebinix (acetato de eslicarbazepina) para adolescentes e crianças com mais de seis anos.
Este fármaco, que já tinha tido aprovação para adultos, está agora indicado em todos os países da União Europeia como terapêutica adjuvante para jovens com crises epiléticas parciais, com ou sem generalização secundária.
Para a farmacêutica sediada em S. Mamede do Coronado, concelho da Trofa, este aval da Comissão Europeia “demonstra a eficácia e segurança” do Zebinix, “nomeadamente ao nível neurocognitivo (capacidade de concentração, processamento de informação e memória)”. “É uma grande satisfação receber esta segunda aprovação da Comissão Europeia relativa ao Zebinix, que representa um novo reforço na qualidade e segurança, quer do nosso medicamento, que pode agora ser disponibilizado a crianças e adolescentes, faixas etárias onde novos tratamentos são uma necessidade premente, quer no projeto de Investigação & Desenvolvimento (I&D) de BIAL”, referiu António Portela, CEO da Bial.
Segundo a empresa, “a epilepsia é uma das doenças neurológicas mais comuns em todo o mundo, atinge 50 milhões de pessoas, sendo que só na Europa, onde há 6 milhões de portadores, são detetados todos os anos 100 mil novos casos em crianças e adolescentes”.
O Zebinix é o primeiro fármaco de patente nacional e, além de ter sido aprovado pela Comissão Europeia, também foi reconhecido pelo regulador norte-americano, a Food and Drug Administration. Atualmente, é comercializado em vários países europeus, entre os quais Reino Unido, Alemanha, Itália, Espanha e França, e nos Estados Unidos da América e Canadá.

 

1ª Pagina

Videos TrofaTV em destaque

Siga-nos no facebook

» Farmácia de serviço na Trofa